Niterói

Arquivos do Autor: facebook_Eugenio Fernandez de Andrade.1156606821063636

“Vemos um coração que fala ao outro”, diz Dom José

Hoje, 11 de junho, celebramos a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus.  Na sexta-feira após o segundo domingo depois de Pentecostes, a Igreja celebra o Sagrado Coração de Jesus.  “Vemos um coração que fala ao outro”, disse Dom José Francisco, em texto. Ontem, a Arquidiocese teve uma manhã de oração, pela Santificação do Clero. Durante este momento, que teve transmissão pelas Redes Sociais da Arquidiocese foi possível observar o Arcebispo, Dom José Francisco, em oração particular, diante do Santíssimo Sacramento, rezando no silêncio do seu coração. Em texto enviado à redação do Niterói Católico, Dom José Francisco, destacou: “(…) Vemos um coração que fala ao outro. Sabemos que a verdadeira comunicação se realiza pelo coração, mais que pelas palavras. A festa de hoje é uma festa em que mais que compreender, somos chamados a nos deixar tocar. A festa de hoje nos ensina que mais que analisar ou tentar entender o coração de Jesus, somos chamados a ser alvo desse coração.” Eis a íntegra do texto: Hoje é o dia do Sagrado Coração de Jesus. Mas, qual é o mistério que celebramos nesta solenidade do Sagrado Coração de Jesus? Celebramos o fato de um ser humano – o homem Deus -, Jesus, que vivia sempre dentro de seu coração, sempre em contato imediato com suas profundezas, sempre em comunhão com o Pai que ocupava seu centro. E mais ainda, estamos celebrando o fato que Jesus, em todos os instantes de sua vida, trazia esta experiência pacífica de si e do Pai, para o seu dia a dia, para as pessoas com quem convivia e encontrava ao seu redor. O que vemos na imagem que busca expressar o mistério do Coração de Jesus? Vemos um coração que fala ao outro. Sabemos que a verdadeira comunicação se realiza pelo coração, mais que pelas palavras. A festa de hoje é uma festa na qual mais que compreender, somos chamados a nos deixar tocar. A festa de hoje nos ensina que mais que analisar ou tentar entender o coração de Jesus, somos chamados a ser alvo desse coração. Deste coração sai algo e o que tenho a fazer é colocar-me bem em frente a ele, e lá ficar, para receber em mim a graça que este coração transmite. A imagem do Coração de Jesus, que expressa o seu mistério de amor, diz que o coração de Deus não somente comunica a graça da fidelidade e da misericórdia, mas também espera um retorno, espera, pacientemente, o mesmo retorno. O Deus de amor busca o nosso amor. Ele nos criou, não somente porque queria comunicar o Seu amor, mas porque queria ser amado por nós, antes mesmo de existirmos. Fomos escolhidos para amar. Agradecidos por essa escolha, deixemo-nos amar pelo Coração de Jesus e busquemos corresponder ao amor desse coração maior que o mundo. + Dom José Francisco Arcebispo Metropolitano de Niterói Por João Dias Arte: Thiago Maia

O post “Vemos um coração que fala ao outro”, diz Dom José apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Paróquia de Sant’Ana, em Itaúna recebe o Frei Ilson Fontenelle

Na noite desta quarta-feira, 09 de junho, na presença do Arcebispo de Niterói, Dom José Francisco, do Vigário Episcopal de São Gonçalo, Padre André, dos Padres Goretti, Humberto, Guilherme, diáconos e seminaristas, foi empossado, como Administrador Paroquial, na Paróquia de Sant’Ana, em Itaúna, o Frei Ilson Fontenelle Júnior. A celebração realizada no Rincão da paróquia, contou com a participação da comunidade que foi acolher seu novo pastor. Foi um momento duplamente especial, pois fiéis da Paróquia de São Sebastião, em Araruama, e familiares do Frei Ilson vieram prestigiar não só a posse, mas também as bodas de 42 anos de matrimônio de seus pais, o Sr. Ilson E Sra. Clarice. Na mensagem de boas-vindas, a comunidade se prontificou a somar e multiplicar, e se apresentou disponível para o dia a dia da vida comunitária. Afirmou que conta com as orações e colaboração de toda comunidade paroquial para esta missão. Em seu discurso, o Frei Ilson agradeceu a acolhida da paróquia que o “fez se sentir em casa”, ao Padre Guilherme pela presença e, principalmente, pela transição harmoniosa, efetiva e amiga. E  estendeu a gratidão a todos os que ali se fizeram presentes. Afirmou que conta com as orações, ajuda e disponibilidade de toda a comunidade Paroquial para esta missão.   Por Monica Brum/ Íngrid Bianchini Fotos: Pascom

O post Paróquia de Sant’Ana, em Itaúna recebe o Frei Ilson Fontenelle apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Dia de Oração pela Santificação do Clero na Arquidiocese

Manhã de oração, pela Santificação do Clero na Arquidiocese de Niterói, hoje dia 10 de junho, véspera da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, na Catedral São João Batista. O Dia de Oração pelo Clero iniciou-se no dia 25 de março de 1995, quando o Papa João Paulo II recebeu a proposta da Congregação para o Clero de celebrar, no mesmo dia da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, a santificação dos sacerdotes. Ele acreditava que a iniciativa ajudaria os sacerdotes a “conformarem-se cada vez mais com o coração de Bom Pastor”.  “A Quinta-feira Santa, levando-nos às origens do nosso sacerdócio, recorda-nos também a obrigação de tender para a santidade, a fim de sermos ‘ministros de santidade’ para homens e mulheres, confiados ao nosso serviço pastoral. Nesta perspectiva, vem a ser muito oportuna a proposta, sugerida pela Congregação para o Clero, de celebrar, em cada diocese, um ‘Dia pela Santificação dos Sacerdotes’, por ocasião da Festa do Sagrado Coração de Jesus, ou noutra data mais apropriada às exigências e costumes pastorais do lugar. Faço minha esta proposta, almejando que tal iniciativa ajude os sacerdotes a conformarem-se, cada vez mais plenamente, com o coração do Bom Pastor” (Carta do Papa João Paulo II aos sacerdotes, por ocasião da Quinta-feira Santa de 1995). A manhã de Oração pela Santificação do Clero, teve início com a Hora Média, conduzida pelos Padres Cláudio de Almeida e Humberto e logo em seguida, deu-se a medicação, com o Padre Carlos Alberto, que falou sobre “O Sacerdote, homem da Palavra”. O encerramento foi diante do Santíssimo Sacramento, num momento de  Adoração ao Santíssimo Sacramento, seguindo-se a bênção de Dom José Francisco. Acompanhe aqui: A Igreja particular de Niterói se uniu para rezar com os nossos Sacerdotes, através das Redes Sociais da Arquidiocese Niterói. Todos somos convidados a intensificar as orações pelos sacerdotes, testemunhas de Cristo Ressuscitado, no qual, por meio deles, os fiéis podem experimentar o Espírito Santo, através dos sacramentos e da Eucaristia. Esse também é um momento importante para que os sacerdotes intercedam uns pelos outros, reafirmando a unidade da Igreja e sua missão salvífica. *Confira as fotos no Instagram @arqnit     Por João Dias Fotos: Adigar José

O post Dia de Oração pela Santificação do Clero na Arquidiocese apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Festa de Santo Antônio pela Arquidiocese de Niterói

São algumas comunidades devotas e com títulos de Santo Antônio, doutor da Igreja, grande pregador e popularmente conhecido como “santo casamenteiro” que pertencem a Arquidiocese de Niterói. Dia 13 de junho, a Igreja celebra a memória deste servo fiel, que nasceu em Lisboa, no ano de 1195, e morreu nas vizinhanças da cidade de Pádua, na Itália, em 1231, por isso é conhecido como Santo Antônio de Lisboa ou de Pádua. As paróquias, com suas comunidades, realizam a Trezena de Santo Antônio em preparação para o grande dia, e neste domingo, seguem com as Missas e festas, sempre atentas às recomendações do Ministério da Saúde, devido ao tempo pandêmico que ainda vivenciamos. Você é devoto de Santo Antônio? Quer participar da Missa em homenagem a este grande pregador? Agradecer por uma graça alcançada? Interceder pelos que sofrem? Pedir uma graça? Então prepare-se, com seu kit segurança, máscara e álcool em gel, e participe de uma das comunidades que estarão festejando o seu Padroeiro! Vicariato São Gonçalo Na Paróquia no bairro da Covanca, em São Gonçalo, que tem por administrador paroquial,  o Pe. Fabiano da Silva Santos, no dia 13 haverá missas em honra a Santo Antônio às 07h, 9h, 11h, 15h, e às 18h. Para participar, é preciso chegar cedo, pois serão distribuídas, em cada missa, 150 pulseiras, que garantirão a sua participação para aquele horário. Fiquem atentos, organizem-se e celebre em comunidade! As missas serão transmitidas pelo Facebook/pascom.psac A Paróquia está localizada na Rua Marechal Floriano Peixoto, nº 2149, Covanca, São Gonçalo, RJ. Para informações ligue (21) 2628-3125 de 8h às 12h. Vicariato Alcântara Outro bairro em São Gonçalo está em festa, Amendoeira, onde fica a Paróquia de Santo Antônio. Os festejos, que também tiveram início com a Trezena do Santo, seguem para o grande dia, com missas na parte da manhã, às 6h, 7h30, 9h e 10h30. Na parte da tarde, às 15h, 17h e 19h30. O Pe. Júlio Cesar deixa um recado importante: “Para participar das celebrações é necessário agendamento prévio, via secretaria paroquial. Faça o quanto antes, pois algumas celebrações já estão fechadas.”   Os contatos para realizar agendamento são (21) 3715-3380 ou pelo WhatsApp (21) 98463-6241. Para você, que não terá como participar, presencialmente, acompanhe a transmissão da Santa Missa às 10h30, através do youtube/paroquiasantoantonioamendoeira. A Paróquia fica na Est. Nazário Machado, s/nº, Amendoeira, São Gonçalo, RJ. Vicariato Niterói Em Niterói, na Porciúncula de Santana, a tradicional festa de Santo Antônio poderá ser acompanhada por devotos e fiéis, pelas redes sociais da Porciúncula, que serão transmitidas pelo  Facebook.com/porciunculadesantana ou Youtube/porciunculaniteroitv. No domingo, dia 13, uma carreata sairá da Porciúncula e percorrerá as ruas do entorno da Igreja, com a imagem de Santo Antônio. A concentração será após a Missa das 11h e você poderá acompanhar pelas redes sociais da Porciúncula.    Por Íngrid Bianchini  Arte Pascom Paroquiais

O post Festa de Santo Antônio pela Arquidiocese de Niterói apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Dia de Oração pela Santificação do Clero na Arquidiocese

A Arquidiocese de Niterói, celebra amanhã, dia 10 de junho, véspera da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, o Dia de Oração pela Santificação do Clero. O Dia de Oração pelo Clero iniciou-se no dia 25 de março de 1995, quando o Papa João Paulo II recebeu a proposta da Congregação para o Clero de celebrar, no mesmo dia da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, a santificação dos sacerdotes. Ele acreditava que a iniciativa ajudaria os sacerdotes a “conformarem-se cada vez mais com o coração de Bom Pastor”. “A Quinta-feira Santa, levando-nos às origens do nosso sacerdócio, recorda-nos também a obrigação de tender para a santidade, a fim de sermos ‘ministros de santidade’ para homens e mulheres confiados ao nosso serviço pastoral. Nesta perspectiva, vem a ser muito oportuna a proposta, sugerida pela Congregação para o Clero, de celebrar em cada diocese um ‘Dia pela Santificação dos Sacerdotes’, por ocasião da Festa do Sagrado Coração de Jesus ou noutra data mais apropriada às exigências e costumes pastorais do lugar. Faço minha esta proposta, almejando que tal iniciativa ajude os sacerdotes a conformarem-se, cada vez mais plenamente, com o coração do Bom Pastor” (Carta do Papa João Paulo II aos sacerdotes por ocasião da Quinta-Feira Santa de 1995). A manhã de Oração pela Santificação do Clero será realizada na Catedral São João Batista, com a presença do Arcebispo de Niterói, Dom José Francisco, e será uma manhã de oração e reflexão. Padre Cláudio de Almeida descreveu o cronograma do encontro e, segundo ele, o início será com a Hora Média, seguida por medicação, com o Padre Carlos Alberto, que irá falar sobre “O Sacerdote, homem da Palavra” e o encerramento desse dia de oração, com a Adoração ao Santíssimo Sacramento. As Redes Sociais da Arquidiocese de Niterói transmitem esse momento especial. Acompanhe aqui: Nesta data, a Igreja é convidada a intensificar as orações pelos sacerdotes, testemunhas de Cristo Ressuscitado, no qual, por meio deles, os fiéis podem experimentar o Espírito Santo, através dos sacramentos e da Eucaristia. Esse também é um momento importante para que os sacerdotes intercedam uns pelos outros, reafirmando a unidade da Igreja e sua missão salvífica. O Santo Padre Francisco, explicou as três características que os Sacerdotes devem adotar: “O zelo apostólico de Paulo, apaixonado, zeloso, é a primeira característica. O homem que sabe discernir, porque conhece a sedução e sabe que o diabo seduz, é a segunda característica. E um homem com capacidade de condenar as coisas que fazem mal às suas ovelhas é a terceira caraterística”. O Papa então, concluiu com uma oração “por todos os pastores da Igreja, para que São Paulo interceda diante do Senhor, para que todos nós, pastores, possamos ter essas três características para servir ao Senhor”. Por João Dias com informações da Santa Sé Artes: Thiago Maia

O post Dia de Oração pela Santificação do Clero na Arquidiocese apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Dia de Oração pela Santificação do Clero na Arquidiocese

A Arquidiocese de Niterói, celebra amanhã, dia 10 de junho, véspera da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, o Dia de Oração pela Santificação do Clero. O Dia de Oração pelo Clero iniciou-se no dia 25 de março de 1995, quando o Papa João Paulo II recebeu a proposta da Congregação para o Clero de celebrar, no mesmo dia da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, a santificação dos sacerdotes. Ele acreditava que a iniciativa ajudaria os sacerdotes a “conformarem-se cada vez mais com o coração de Bom Pastor”. “A Quinta-feira Santa, levando-nos às origens do nosso sacerdócio, recorda-nos também a obrigação de tender para a santidade, a fim de sermos ‘ministros de santidade’ para homens e mulheres confiados ao nosso serviço pastoral. Nesta perspectiva, vem a ser muito oportuna a proposta, sugerida pela Congregação para o Clero, de celebrar em cada diocese um ‘Dia pela Santificação dos Sacerdotes’, por ocasião da Festa do Sagrado Coração de Jesus ou noutra data mais apropriada às exigências e costumes pastorais do lugar. Faço minha esta proposta, almejando que tal iniciativa ajude os sacerdotes a conformarem-se, cada vez mais plenamente, com o coração do Bom Pastor” (Carta do Papa João Paulo II aos sacerdotes por ocasião da Quinta-Feira Santa de 1995). A manhã de Oração pela Santificação do Clero será realizada na Catedral São João Batista, com a presença do Arcebispo de Niterói, Dom José Francisco, e será uma manhã de oração e reflexão. Padre Cláudio de Almeida descreveu o cronograma do encontro e, segundo ele, o início será com a Hora Média, seguida por medicação, com o Padre Carlos Alberto, que irá falar sobre “O Sacerdote, homem da Palavra” e o encerramento desse dia de oração, com a Adoração ao Santíssimo Sacramento. As Redes Sociais da Arquidiocese de Niterói transmitem esse momento especial. Acompanhe aqui: Nesta data, a Igreja é convidada a intensificar as orações pelos sacerdotes, testemunhas de Cristo Ressuscitado, no qual, por meio deles, os fiéis podem experimentar o Espírito Santo, através dos sacramentos e da Eucaristia. Esse também é um momento importante para que os sacerdotes intercedam uns pelos outros, reafirmando a unidade da Igreja e sua missão salvífica. O Santo Padre Francisco, explicou as três características que os Sacerdotes devem adotar: “O zelo apostólico de Paulo, apaixonado, zeloso, é a primeira característica. O homem que sabe discernir, porque conhece a sedução e sabe que o diabo seduz, é a segunda característica. E um homem com capacidade de condenar as coisas que fazem mal às suas ovelhas é a terceira caraterística”. O Papa então, concluiu com uma oração “por todos os pastores da Igreja, para que São Paulo interceda diante do Senhor, para que todos nós, pastores, possamos ter essas três características para servir ao Senhor”. Por João Dias com informações da Santa Sé Artes: Thiago Maia

O post Dia de Oração pela Santificação do Clero na Arquidiocese apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Arquidiocese inicia Live para acompanhamento espiritual

Com o objetivo de acompanhar a saúde espiritual e mental, o Setor de Comunicação da Arquidiocese de Niterói (SECOM ArqNit) e a Pascom Arquidiocesana promovem, hoje, dia 10 de junho, uma Live no Instagram da Arquidiocese às 20h. A Live “PazCom Você”, recebe o Padre Cláudio de Almeida, coordenador Arquidiocesano da Pascom. Padre Cláudio de Almeida Lima, coordenador do Setor de Comunicação é graduado em Filosofia, Teologia e Psicologia, Mestre em Psicologia com ênfase em Psicologia Social e Habilidades Sociais, e fundador da comunidade católica Dom de Deus. Em entrevista, o sacerdote destacou um pouco sobre o que será apresentado na Live “PazCom Você”. “Para falarmos em Luto, temos que partir de uma realidade que a todos nós atinge, de diversas maneiras. A morte”. A primeira Live irá falar sobre o “Luto e o Sofrimento”. Padre Cláudio de Almeida explicou, em entrevista à redação do Jornal Niterói Católico, que “a finitude do ser nos leva, imediatamente, a perceber que o finito e o infinito se confundem com facilidade, e que muitas vezes, sem pensar, nos leva a perder o objeto real do momento da morte; não como fim e sim como começo de uma vida que não tem fim”, explicou ele. O Sacerdote, prosseguiu: “Os cristãos, e de modo especial os homens do “culto” da “páscoa” e da celebração, como somos considerados os presbíteros, deveríamos lidar muito mais agilmente com a dor e o sofrimento; poderíamos dizer que em nossa forma de vida haveria toda uma maneira de reagir e de confrontar a vida dos que nos são próximos. Uma capacidade quase que imediata, para assumir a morte como algo sobrenatural, com a simplicidade da vida natural”, afirmou Padre Cláudio de Almeida. Sobre o tempo difícil que vivemos, ele faz uma análise: “Percebemos porém, que a muitos de nós, o tempo da pandemia da COVID 19, além de nos prejudicar “eclesiologicamente”, também nos afeta no interno do nosso ser. Muitos, além de cansados e esgotados, estamos atravessando a dor de ter perdido pessoas que amávamos, quer na família, quer nas comunidades. Muitos temos que,  diariamente, lidar com a tragédia de não poder nem participar do sepultamento, devido às restrições sanitárias, a outros, perdemos a possibilidade de dar o último adeus. Bispos, presbíteros, diáconos, religiosos e religiosas, seminaristas, etc, de um momento para o outro, nos encontramos com o que nós também seriamos atingidos, pelo mal que a toda a sociedade atingiria. Mesmo Papa Francisco teve que passar pelo teste, para saber se era positivo ou não. A morte, em cheio, nos atingiu e continuará a nos atingir ao longo de um tempo sobre o qual não teremos mais controle”, finalizou ele. A LIVE, exclusiva do Instagram da Arquidiocese de Niterói, no perfil @arqnit, hoje dia 10 de junho, tem inicio às 20h. Siga o Instagram da Arquidiocese de Niterói através do link: https://www.instagram.com/arqnit/. Por João Dias Arte: Thiago Maia

O post Arquidiocese inicia Live para acompanhamento espiritual apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Fiéis da Paróquia Nossa Senhora de Nazareth acolhem o Padre José Goretti

A noite de terça-feira, 08 de junho, foi especial para os fiéis de Nossa Senhora de Nazareth, em Saquarema. Na Santa Missa, Dom José Francisco, Arcebispo metropolitano de Niterói, empossou o novo pároco da comunidade, Padre José Goretti Pio. A Santa Missa realizou-se no espaço celebrativo da futura capela de São José, por ser um lugar amplo e arejado, para estes tempos de pandemia. Dom José Francisco exortou a importância de a Paróquia acolher o Padre José Goretti, como bem acolheu o Padre Rodrigo, para que haja continuidade em seu trabalho de evangelização. Na pregação, afirmou o papel do sacerdote como aquele que tem a missão de ser o homem da palavra e da oração “a primeira missão do sacerdote é anunciar os valores do evangelho; ele também é chamado a ser o homem da oração, dos sacramentos. Em nome do próprio Cristo, oferece a graça e os dons do Rito, principalmente no Sacramento da Eucaristia. Também é o homem do pastoreio, aquele que reúne a comunidade, ajudando todos a dar a resposta no caminho da santidade, vivendo a comunidade cristã!” Ao final da Santa Missa, o Padre José Goretti pediu uma salva de palmas ao saudoso Padre Rodrigo, exaltando o seu trabalho, e colocou-se à disposição dos paroquianos, pedindo a colaboração de todos, para que as sementes da unidade e da fé continuem frutificando na comunidade. Ao final, invocou as bênçãos de Deus e da Senhora de Nazareth sobre o seu pastoreio e sobre este novo tempo da vida paroquial. “A missão do Padre é como a do Bom Pastor, que vai ao encontro das ovelhas que estão afastadas, que ainda não conhecem suficientemente Jesus Cristo, e segue também a animar todas aquelas que estão no rebanho unidas na fé.” (Dom José Francisco Rezende Dias)    *Confira mais  fotos da Posse do Padre Goretti no Instagram @arqnit   Por Íngrid Bianchini Informações e fotos: Aluízio Almeida Pascom Paroquial  

O post Fiéis da Paróquia Nossa Senhora de Nazareth acolhem o Padre José Goretti apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Católico