Niterói

Dom José Francisco celebra Missa de Cinzas na Catedral

Dom José Francisco, Arcebispo Metropolitano de Niterói, celebrou a Santa Missa da Quarta-feira de Cinzas, abrindo a Quaresma deste ano, na Catedral São João Batista, centro da cidade de Niterói. A Celebração seguiu as orientações sanitárias, o decreto arquidiocesano em vigor e as orientações que vieram da Santa Sé para o Rito.

Na homilia, Dom José, destacou três pontos da Mensagem do Papa Francisco para a Quaresma, o primeiro, “a fé chama-nos a acolher a Verdade e a tornar-nos suas testemunhas”; o segundo “A esperança como «água viva»”; e  o terceiro “a caridade, vivida seguindo as pegadas de Cristo na atenção e compaixão por cada pessoa”.

“Neste tempo de Quaresma, acolher e viver a Verdade manifestada em Cristo significa, antes de mais, deixar-nos alcançar pela Palavra de Deus, que nos é transmitida de geração em geração pela Igreja. Esta Verdade é o próprio Cristo, que, assumindo completamente a nossa humanidade, Se fez Caminho – exigente, mas aberto a todos – que conduz à plenitude da Vida”, citou o Arcebispo palavras do Santo Padre.

E prosseguiu: “(…) No recolhimento e oração silenciosa, a esperança nos é dada como inspiração e luz interior, que ilumina desafios e opções da nossa missão; por isso mesmo, é fundamental recolher-se para rezar e encontrar, no segredo, o Pai da ternura. Viver a Quaresma com esperança significa que, em Jesus, vivemos o tempo novo no qual Deus renova todas as coisas”.

O Arcebispo concluiu a homilia, com o trecho da mensagem do Santo Padre, que diz: “(…) Queridos irmãos e irmãs, cada etapa da vida é um tempo para crer, esperar e amar. Que este apelo a viver a Quaresma como percurso de conversão, oração e partilha dos nossos bens, nos ajude a repassar, na nossa memória comunitária e pessoal, a fé que vem de Cristo vivo, a esperança animada pelo sopro do Espírito e o amor, cuja fonte inexaurível é o coração misericordioso do Pai. Que Maria, Mãe do Salvador, fiel aos pés da cruz e no coração da Igreja, nos ampare com a sua solícita presença, e a bênção do Ressuscitado nos acompanhe no caminho rumo à luz pascal.”

A Santa Celebração prosseguiu com a distribuição das cinzas, ao número reduzido de fiéis, seguindo as orientações sanitárias, o decreto arquidiocesano em vigor e as orientações que vieram da Santa Sé para o Rito. Ao final da Celebração, o Arcebispo abençoou os fiéis.

Por João Dias
Fotos e informações: Adigar José

O post Dom José Francisco celebra Missa de Cinzas na Catedral apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Católico